DIÁLOGOS SOBRE HARD E SOFT SKILLS NA GESTÃO E DOCÊNCIA

A live “DIÁLOGOS SOBRE HARD E SOFT SKILLS NA GESTÃO E DOCÊNCIA” trouxe a especialista Vialana Ester Salatino para expor a diferença entre estas importantes habilidades. As soft skills são as habilidades mentais, emocionais e sociais ligadas ao comportamento humano e à personalidade de cada indivíduo. Por isso, dizem respeito à maneira como cada um se relaciona e interage com as pessoas e o ambiente ao seu redor. As hard skills são as habilidades técnicas e objetivas que podem ser adquiridas e mensuradas, como domínio de uma ferramenta, operação de máquinas ou fluência em um idioma, por exemplo.

Desta forma, enquanto as hard skills podem ser aprendidas por meio de aulas, livros e cursos, as soft skills são desenvolvidas desde a infância e apresentam tanta importância para o dia a dia quanto as habilidades técnicas.

No contexto profissional, cada vez mais são requeridas as soft skills como gestão de pessoas, trabalho em equipe, liderança, resolução de problemas, negociações e outros, que contribuem para o desempenho dos indivíduos em diferentes atividades profissionais . As hard skills podem ser decisivas para garantir uma vaga de entrevistas, mas as soft skills são decisivas para manter o emprego.

Por isso, no contexto trabalho,  é importante  que se tenha um equilíbrio entre as duas formas de inteligência. Assim, o foco em conseguir se destacar e alcançar posições melhores no mercado de trabalho passa a ser algo simples e natural.

No contexto educacional, a própria Base Nacional Comum Curricular – BNCC (2018) defende o desenvolvimento integral dos estudantes e inclui o ensino de soft skills. As competências gerais, por exemplo, incluem comunicação, argumentação, empatia e cooperação – habilidades subjetivas, mas que podem ser desenvolvidas em sala de aula e principalmente no convívio dentro da comunidade escolar.

Para refletirmos sobre competências pessoais, o  autoconhecimento é considerando pela especialista, o ponto de partida ideal para o desenvolvimento de soft skills. Demandas da contemporaneidade, que incluem trabalho remoto, freelancer e sem carga horária fixa, por exemplo, vão exigir boa capacidade de gestão de si próprio.

Para conhecer mais sobre este assunto, assista a live completa em: https://youtu.be/2ovacqVx-kM